Som da Semana – Malditas Ovelhas! (Araraquara/SP)

“elementos de abrangência universal, como o rock n’ roll, o funk e o soul, dialogam em pé de igualdade com ritmos regionais e gêneros como a cumbia, o forró e o samba, sem se fechar em formatos e clichês estilísticos.” é como a banda se descreve em seu perfil no Trama Virtual.

A Malditas Ovelhas! começou em 2006 através de amigos estudantes do curso de ciências sociais da UNESP-Araraquara que moravam na mesma republica. Hoje moram em São Carlos, não mais juntos e em sua formação, que no começo tinha cinco integrantes, agora estão os muti-instrumentistas Eduardo Rodrigues, Bruno Almeida, Zé Guilherme e Yraê de Araújo.
Com um som instrumental, “cuja proposta é produzir música com experimentações e influências de seus integrantes, unindo ritmos percussivos brasileiros, principalmente nordestinos, com música psicodélica progressiva, texturas, samples e experimentalismos.” Eles possuem uma demo lançada em 2008.

Música Dalai Lombra (Demo)
Malditas Ovelhas! – Dalai Lombra (demo) by Malditas Ovelhas!

Esse ano lançaram o ep entitulado A Punga que foi captado, mixado e masterizado no Lombra Estúdio, São Carlos/SP, entre maio e setembro desse ano, que você pode baixar aqui, e já estão em fase de produção do primeiro álbum.
Abaixo confira o clipe da música “Cantagalo” que faz parte do EP.

Para saber mais sobre eles e acompanhar como anda o dia a dia da banda é só acessar o Blog, o Twitter ou a página no Facebook, tem também uma entrevista legal sobre o EP aqui e dá pra ouvir as músicas no SoundCloud ou no MySpace, mas, se tudo isso for pouco, também dá pra ir vê-los tocando ao vivo e trocar uma ideia pessoalmente já que hoje, dia 09, a Malditas Ovelhas! toca junto com a Mosaico Brasileiro (Jaguariúna) na Coisa Fora do Eixo 9 e ½, a última do ano, lembrado que o Espaço A Coisa fica na rua Amador Bueno, 1300 e não trabalha com cartões.


por Renata Prado
rezinhaprado@gmail.com
um agradecimento especial pro Scooby que me ajudou com algumas infos. ;)


*as informações e fotos foram retiradas dos perfis e releases da banda encontrados na internet



Deixe um Comentário