Coletivo Fuligem vai à inauguração da Casa das Redes, em Brasília (DF)

A capital federal recebe, em movimento totalmente organizado pela sociedade civil, a inauguração de mais uma embaixada em seu território: a Casa das Redes. Utilizando-se de tecnologias fortalecidas e aperfeiçoadas ao longo de anos de trabalho de diferentes redes colaborativas, a Casa nasce em Brasília se propondo a oferecer apoio logístico e multimídia a todas as redes de cultura, tanto do Brasil quanto da América Latina.

Após meses de atuação, articulação e conexão com movimentos do DF, a Casa prepara uma programação livre para os dias 18 a 20 de Junho. Oficinas, observatórios, encontros, mini-conferências, Pós TV e percursos culturais por Brasília marcam o Encontro das Redes, que abordará de forma dinâmica e integrada diversos temas que tangem os modos de organização da sociedade civil hoje: Cultura Digital, Política de Drogas, Nas Ruas e Nas Redes, Feminismo, Tecnologias Sociais, Juventude, Cultura Popular, Meio Ambiente, Redes em Rede, Pontos de Cultura, Guerra de Memes, Midialivrismo, Rede Global de Música são algumas das tags que permearão as trocas entre os presentes em diferentes formatos de conversa entre os representantes de movimentos, coletivos, redes e poder público que estarão presentes no encontro.

Inscreva-se e contribua para a construção desse campo cognitivo de onde sairão idéias, encaminhamentos, tecnologias e conceitos aprimorados à respeito das redes e dos movimentos sociais nos diversos cantos do país: http://bit.ly/InscricoesRedes

Todas as atividades ocorrerão na Casa das Redes, que fica no número 38 do Bloco O, na Quadra 703, Asa Norte.

Assista como foi:



Deixe um Comentário