Festival Fagulha Terá Vanguart, Bandas de GO e MG e ex-produtor de Mutantes

O Coleitvo Fuligem está a todo vapor na produção do I Festival Fagulha de Artes Integradas e já tem nomes confirmados. Entre os dias 12 e 16 de outubro o cenário cultural de Ribeirão Preto ficará movimentado com bandas de outros estados brasileiros, oficinas, intervenções teatrais e mesas de Conversas Infinitas. Em uma delas, Claudio Prado, que já trabalhou com Mutantes e Novos Baianos, é o convidado principal.

O Produtor Cultural Claudio Prado

 

Com o tema “Pós-Rancor: Música, Política e Futuro”, Prado comenta sobre novas maneiras de se fazer política. A questão principal é sobre a chamada geração Y, do pós ditadura militar, que é um dos principais públicos da indústria dos eletrônicos de tecnologia móvel e pessoal – jovens conhecidos por não se apegarem a ideologias partidárias e que estão digitalizando o meio cultural.

O evento acontece dia 15, sábado, às 18 horas, na UGT, localizada na rua José Bonifácio, 59.

Música

Os cuiabanos da Vanguart fecham a noite no Teatro de Arena, dia 16, com lançamento de novo disco. Originada no cenário musical independente, o grupo do vocalista Hélio Flanders, aos poucos, ganha notoriedade no país. Desde 2002, Vanguart já tem no currículo, além de apresentações em festivais independentes, participação na Virada Cultural de 2009 e em programas da TV aberta em canais como Globo e MTV. Quem comparecer no Arena, pode esperar pelo single “Boa Parte de Mim Vai Embora”, nome também do CD com 13 faixas.

Vanguart

Já a banda Mugo, de Goiânia (GO), tem um som autodescrito, como “de sangue e alma”, em tradução livre. O grupo tem pegada violenta e promete balançar muitos cabelos compridos e cabeças raspadas na noite do dia 16, no Teatro de Arena. Com muita atitude em palco, a banda, com de influências de Sepultura, Korzus e Calustrofobia, apresenta o que já mostrou em festivais regionais e locais, tendo como alavanca Grito Rock.

Banda Mugo

 

Na UGT, dia 15, será a banda Tião Duá, de Belo Horizonte (MG), uma das responsáveis pela música da noite. Com Luis Gabriel, integrante da Graveola E O Lixo Polifônico, o trio apresenta seu show que circulou pela Europa. Tião Duá é um trio de música brasileira formado por três jovens músicos de destaque da cena musical de Minas Gerais. Inspirados pela versatilidade e pela riqueza da música popular brasileira, o repertório reúne desde canções clássicas dos anos 60 e 70 até composições originais do grupo.

Luiz Gabriel Lopes, do trio Tião Duá

UGT: Rua José Bonifácio, 59. Centro.
Teatro de Arena: Praça do Alto do São Bento, s/n. Campos Elíseos

 



Deixe um Comentário